top of page

Pavlova de Morango

Encantadora, a Pavlova de Morango é uma sobremesa festiva, delicada e deliciosa. Ela combina com perfeição a crocância do suspiro, a suavidade do chantilly e o azedinho dos morangos. Ela é perfeita e faz bonito em qualquer ocasião!



pavlova de morango

A Pavlova foi criada em homenagem à grande bailarina russa Anna Pavlova no ano de 1926. Seu formato e a cor branca representam o tutu, a clássica saia usada pelas bailarinas. O local exato da criação dessa sobremesa, no entanto, é uma polêmica que envolve a Austrália e a Nova Zelândia, já que a bailarina passou pelos dois países na mesma turnê e ambos reivindicam a autoria do doce. Polêmicas à parte, até hoje essa sobremesa é muito popular nos dois países e desperta paixões por onde passa!


pavlova de morango

Esta Pavlova de Morango é composta por:


  • Uma base de suspiro crocante, feito à partir de um merengue suíço assado em temperatura baixa para conservar sua coloração branquinha.

  • Um chantilly cremoso, feito com pouca adição de açúcar para equilibrar o já bastante açucarado suspiro.

  • Um coulis de morango (nome dado a um molho feito de frutas e açúcar), para trazer uma camada extra de sabor e uma desejável acidez que ajuda a combinar os demais elementos.

  • Frutas frescas, que além de decorativas, trazem frescor e equilibram com perfeição os sabores e as texturas dessa sobremesa.


 

Como fazer uma Pavlova perfeita?


Apesar de possuir poucos elementos e preparos relativamente simples, existem técnicas que devem ser seguidas para conseguir executar todas as etapas do preparo da Pavlova de forma correta.

À seguir, vou te ensinar TODOS os segredos para você preparar uma Pavlova perfeita!


 
NOTA: a seguir você confere a descrição detalhada da receita com todas as dicas e passo-a-passo do preparo. A receita completa, com ingredientes e quantidades, está no final do post.
 

1 | Comece preparando o molde para a base da Pavlova:


Desenhe um círculo de 20cm - utilizando uma fôrma ou um prato com aproximadamente 20cm de diâmetro, desenhe um círculo em uma folha de papel. Ele será usado como guia para fazer a base da Pavlova. Esse papel ficará posicionado embaixo de um tapete de silicone ou uma folha antiaderente para que o merengue não grude ao ser assado.


 

2 | Prepare o merengue:


merengue

Misture as claras e o açúcar - em um bowl, misture os dois ingredientes e leve ao banho-maria, mexendo sempre, até que a mistura atinja 50-55 C. Se não estiver usando um termômetro, faça um teste esfregando um pouco da mistura entre os dedos: o ponto correto é quando a mistura estiver quente e você não sentir mais nenhum grânulo de açúcar. Dica: para fazer o banho-maria, ferva um pouco de água em uma panelinha pequena; abaixe o fogo e posicione o bowl em cima, sem encostar na água.


Transfira para a batedeira - bata a mistura aquecida de claras e açúcar até obter um merengue brilhante em picos firmes. Comece batendo em velocidade média, depois suba para a velocidade máxima. O processo dura cerca de 8 a 10 minutos.


Aplique no molde - transfira o merengue para um saco de confeitar com bico perlê e faça uma espiral preenchendo todo o espaço do círculo que foi desenhado. Ao redor do círculo, faça pequenas “gotas” com o merengue em toda a lateral. O movimento consiste em apertar o saco de confeitar fazendo uma bolinha de merengue, e então puxar para trás enquanto para de apertar.


preparo da pavlova

Asse o merengue formando um suspiro - leve ao forno a 100C por aproximadamente 2 horas e meia, tomando cuidado para não deixar o merengue ganhar cor. O suspiro deve ficar branquinho, e para isso a cocção deve ser feita em forno muito baixo. Observe atentamente em intervalos curtos, e se o merengue começar a dourar, deixe a porta do forno entreaberta com uma colher de pau enquanto continua assando.


Dica: você pode preparar o disco de suspiro no dia anterior ao preparo da Pavlova. Basta armazenar o disco em um recipiente fechado ou dentro do forno desligado.


 

3 | Prepare o coulis de morango:


Cozinhe as frutas com açúcar e suco de limão - coloque todos os ingredientes em uma panela grande e leve ao fogo médio. As frutas podem estar frescas ou congeladas; se for utilizar frutas congeladas, elas vão direto do freezer para a panela! Conforme as frutas cozinham, vão soltando água e formando uma calda. O ponto ideal é quando as frutas estiverem bem cozidas, desmanchando, e a calda estiver mais grossa e brilhante.


Bata ou processe para fazer o coulis - depois de amornar, bata a calda de frutas no liquidificador ou processe com um mixer de mão para obter um coulis liso e homogêneo. Leve à geladeira para esfriar totalmente. Dica: caso tenha ficado com uma textura muito líquida depois de frio, retorne o coulis ao fogo por mais alguns minutos para "apertar" o ponto. Retorne à geladeira e só aplique na Pavlova quando estiver gelado.


coulis de morango

 

4 | Prepare o chantilly:


Deixe o creme de leite bem gelado - antes de preparar o chantilly, certifique-se de que o creme de leite fresco está bem gelado! O ideal é colocar no freezer por 5-10 minutos antes do preparo. Isto é necessário porque a gordura do creme de leite precisa estar muito gelada para segurar a sua estrutura aerada; caso não esteja bem gelado o chantilly não monta.


Bata o chantilly - misture o creme de leite gelado, o açúcar de confeiteiro e a baunilha. Você pode substituir por açúcar refinado, porém a textura do chantilly fica mais cremosa e agradável com o uso do açúcar de confeiteiro. Comece a bater em velocidade média para o líquido não espirrar. Assim que começar a engrossar, aumente para velocidade alta e bata até o ponto de chantilly. Reserve na geladeira até o momento de utilizar.


Mas afinal, o que é o ponto de chantilly? É quando o creme está encorpado, forma picos médios e o batedor de arame deixa um desenho que não se desfaz. Assim que atingir esse ponto, pare imediatamente de bater, caso contrário o chantilly irá talhar (e se continuar batendo, a gordura se separa do líquido e vira manteiga!).


 

5 | Faça a montagem da Pavlova:


Aplique o chantilly - transfira o chantilly para um saco de confeitar com bico perlê (o mesmo usado para o merengue) e aplique em formato de “gotas” sobre a base da Pavlova, acompanhando o desenho feito com o merengue.


Aplique o coulis de morango - preencha o centro do disco com uma fina camada de chantilly e por cima espalhe o coulis de morango (faça uma cinta de chantilly ao redor para o coulis não vazar).


Aplique mais chantilly - faça outra camada de gotas de chantilly em toda a lateral e preencha o centro fazendo uma fina camada por cima do coulis.


Faça a decoração - decore com frutas frescas e, se desejar, com mais um pouco do coulis de morango. Mantenha na geladeira e sirva gelado. A validade é de 3 dias.


montagem da pavlova

 

Dicas importantes:


  • Ao assar o suspiro, ele não pode ganhar cor e deve permanecer branquinho! Para isso, certifique-se de deixar o forno em temperatura bem baixa, com a grade posicionada na parte mais baixa do forno. E fique de olho - se necessário, coloque uma colher de pau para deixar a porta entreaberta durante a cocção.

  • Para fazer o coulis, você pode utilizar morangos frescos, congelados, ou uma mistura de ambos. Eles também podem ir inteiros para a panela!

  • Você pode substituir o chantilly feito com creme de leite fresco por misturas industrializadas que batem chantilly.

  • O creme de leite fresco também pode ser substituído pelo creme de leite UHT (de caixinha) com 35% de gordura, próprio para bater chantilly. Neste caso, é só seguir o preparo do chantilly normalmente como explicado na receita.

  • Caso você não tenha um saco de confeitar, basta montar a Pavlova utilizando uma colher! Espalhe o merengue com as costas de uma colher formando um disco e leve ao forno para assar o suspiro; depois espalhe o chantilly e o coulis por cima do disco de suspiro e decore com as frutas!


pavlova de morango

Assista ao preparo:




Confira abaixo a receita completa!

Clique em "Imprimir" para baixar ou imprimir sua receita.



Espero que você tenha gostado dessa receita! Se fizer, me conta lá no instagram que vou adorar saber! Aliás, você já está me seguindo por lá?


Com carinho,

Vivi

Comments


Commenting has been turned off.

SOBRE

foto Viviane Cestari

Olá! 

Meu nome é Viviane, sou formada pela Le Cordon Bleu e uma grande apaixonada pelo universo da cozinha e confeitaria. Aqui você vai encontrar receitas de bolos, doces e muito mais. Obrigada pela visita e volte sempre!

Mais recentes
bottom of page